Todo mundo já conhece os benefícios de incluir frutas na alimentação diária. Elas têm vitaminas, minerais e antioxidantes que protegem e promovem a saúde e o bem-estar.

No Brasil temos uma diversidade imensa, com boas opções para todos os gostos. Desde as mais tradicionais, como laranja, mamão, morango, manga, banana, abacate, cereja, pêssego, caqui, kiwi, tangerina e muitas outras, até as mais exóticas e não tão conhecidas.

A nutricionista, Lívia Lima, da rede Hortifruti Natural da Terra selecionou quatro frutas diferentes e não tão conhecidas, mas que, além de saborosas, oferecem inúmeros benefícios para a saúde. Lívia mostra os benefícios da Mangostin, Physalis, Pitaya e Atemoia. E sugere uma sobremesa muito prática para o dia-a-dia.

Mangostin

Conheça os benefícios para saúde destas 4 frutas exóticas Na foto, mangostin.
<span class=”hidden”>–</span>Art Rachen PU/Unsplash

A fruta originária da Indonésia, possui uma polpa branca, doce e suculenta, e é rica em antioxidantes, vitamina C e propriedades anti-inflamatórias. É fonte de proteínas, fibras, ferro, magnésio, fósforo, potássio, zinco, cobre e manganês. Além de ser rica nas vitaminas C, B6 e B12.

Continua após a publicidade

Physalis

Conheça os benefícios para saúde destas 4 frutas exóticas Na foto, physalis.
<span class=”hidden”>–</span>Lucas George Wendt/Unsplash

De origem latino-americana, a Physalis vem da Amazônia e dos Andes. Atualmente também é cultivada na Europa e na Ásia. Tem um sabor levemente ácido e doce. Ajuda a reduzir o colesterol, controlar os níveis de açúcar no sangue e manter a visão saudável. É rica em vitamina C, vitamina A, fibras, minerais e compostos antioxidantes, com propriedades anti-inflamatórias, sacietogênica, antioxidante, hipoglicemiante, hipocolesterolêmicas e laxante.

Pitaya

Conheça os benefícios para saúde destas 4 frutas exóticas Na foto, pitaya.
<span class=”hidden”>–</span>Maddi Bazzocco/Unsplash

É uma fruta típica de regiões de clima quente e tem sua origem no México. Também conhecida como Fruta do Dragão, tem sabor suave e levemente adocicado. É rica em fibras e ajuda na digestão. A Pitaya é rica em polifenois, flavonoides, betacianinas e vitamina C, que atuam como anti-inflamatórios e antioxidantes, evitando o dano causado pelos radicais livres às células e, por sua vez, o desenvolvimento de doenças crônicas, como o câncer, diabetes e artrite reumatoide. É fonte de vitamina C, cálcio, magnésio e fósforo, além de ferro, um mineral essencial para transportar o oxigênio pelo corpo, prevenindo e melhorando a anemia.

Atemoia

Conheça os benefícios para saúde destas 4 frutas exóticas Na foto, atemoia.
<span class=”hidden”>–</span>Hortifruti Natural da Terra/Divulgação

Originária da região tropical do Peru, Equador e Colômbia é um fruto híbrido, derivado do cruzamento da Cherimóia (Annona cherimola, Mill) com a Fruta-Pinha ou Fruta- do-Conde. De sabor doce e bem aromática, é ótima fonte de fibras, vitaminas A e C, potássio e magnésio. Por ser uma fruta com ótimas quantidades de fibras, ajuda a diminuir a absorção de gordura no intestino, reduzindo, assim, os níveis de colesterol “ruim”, LDL, no sangue, e evitando o surgimento de doenças cardiovasculares, como infarto, aterosclerose e angina, além de prevenir a resistência à insulina e a diabetes.

Receita Mousse de Pitaya

Ingredientes

  • 2 Pitayas
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 lata de creme de leite
  • ½ xícara de suco de limão
  • 1 envelope de gelatina incolor

Modo de fazer

  1. Descasque as Pitayas e corte em pedações;
  2. Bata no liquidificador e misture as Pitayas batidas com o leite condensado;
  3. Junte o creme de leite e o suco de limão até obter uma mistura homogênea;
  4. Dissolva a gelatina em água quente e adicione à mistura do liquidificador;
  5. Bata novamente até que esteja bem misturado;
  6. Coloque a mistura em taças individuais e leve à geladeira por 2 horas. Servir gelado.
Publicidade

©