<span class=”hidden”>–</span>Patrick Perkins/Unsplash

Ter plantas em casa é uma forma testada e comprovada de trazer cor e natureza para sua vida. Sem falar que elas são uma ótima maneira de purificar o ar  e melhorar seu bem-estar!

Apesar de muito bonitas, as plantas enormes nem sempre são as melhores para apartamentos pequenos. Felizmente, há uma abundância de opções de plantas pequenas que podem ajudar a fornecer o toque certo de verde sem ocupar uma grande parte do seu cômodo!

<span class=”hidden”>–</span>Prudence Earl/Unsplash

Plantas compactas, como suculentas, são perfeitas para adicionar vegetação ao seu home office ou mesa de cabeceira. Plantas um pouco maiores, como os lírios da paz, podem ocupar algum espaço, mas não vão sobrecarregar nenhum canto da sala com folhas exuberantes ou raízes grandes.

Você pode até ser criativo, adicionando algumas plantas bonitas em lugares inesperados, como perto da janela do banheiro, em um vaso suspenso ou até mesmo na parede, criando um jardim vertical que economiza espaço!

1. Tillandsia

<span class=”hidden”>–</span>Completely Coastal/Pinterest

As Tillandsias são plantas interessantes, pois não precisam de solo para sobreviver. Eles são ótimos se você está procurando uma planta pequena e não quer lidar com vasos ou solo. Se você decidir colocar sua planta de ar em um terrário, certifique-se de que ela tenha uma abertura para que tenha bastante circulação.

2. Aloe Vera

<span class=”hidden”>–</span>Reprodução/Design Sponge

Você sabia que as plantas de aloe vera fazem parte da família das suculentas? Assim como suas parentes, elas gostam do sol e preferem que o solo fique completamente seco entre as regas.

Esses plantinhas são úteis para mantê-los por perto, já que podem ser usadas para aliviar queimaduras e irritações na pele.

3. Antúrio

<span class=”hidden”>–</span>Pro Flowers/Reprodução

Antúrios menores são perfeitos para adicionar um toque de cor brilhante a qualquer cômodo da casa sem ocupar muito espaço. Eles podem tolerar todos os tipos de luz, mas crescerão melhor com luz indireta brilhante.

4. Aspargo-samambaia

<span class=”hidden”>–</span>Planta Sonya/Pinterest

Ao contrário do seu nome, o Aspargo-samambaia é na verdade uma parte da família do lírio (liliaceae). Se possível, dê a esta planta algum espaço para respirar em ambos os lados para que suas folhas possam se espalhar. Isso adiciona um belo toque de verde em qualquer prateleira ou mesa.

5. Fenestraria

<span class=”hidden”>–</span>Succulent Box/Pinterest

Essas lindas plantas também vêm da família das suculentas. Ela também recebe o apelido de dedo de bebê, por conta da semelhança com os dedos dos pés de uma criança. É uma ótima opção se você quiser inovar na hora de incluir o verde em casa.

6. Aspidistra elatior

<span class=”hidden”>–</span>Yates Gardening/Pinterest

As Aspidistra Elatior são plantas resistentes que podem suportar uma variedade de condições de luz e solo. Eles são a espécie a escolher se você estiver disposto a abrir mão de um pequeno espaço em troca de uma planta quase indestrutível.

7. Planta-dinheiro chinesa

<span class=”hidden”>–</span>Jardins/Pinterest

Estas lindas plantas são conhecidas pelas suas folhas redondas. As plantas-dinheiro chinesas também são chamadas de plantas missionárias. Isso porque o missionário norueguês Agnar Espergen levou mudas para casa com ele na década de 1940 e as compartilhou com seus entes queridos.

Foi assim que a planta acabou se espalhando pelo mundo. Essas plantas são fáceis de propagar, então a maneira mais fácil de adquirir as suas é encontrar um amigo ou trocar online.

8. Echeveria

<span class=”hidden”>–</span>Reprodução/Reprodução

A echeveria é um dos tipos mais comuns de suculentas. Pequenas plantas como essas são mais comumente encontradas em home offices ou mesmo em espaços corporativos devido ao seu tamanho pequeno e fácil de cuidar.

Uma causa comum de morte, entretanto, é a rega excessiva. Certifique-se de deixar o solo de suas plantas secar completamente antes de dar-lhes outra bebida.

9. Planta de Jade

<span class=”hidden”>–</span>Flickr | Bri Weldon/Reprodução

As plantas de jade são mais conhecidas por suas folhas grossas e ovais. As plantas de jade podem viver por anos, desde que recebam os cuidados adequados.

Para manter as folhas da planta bonitas e brilhantes, limpe-as de vez em quando para combater o acúmulo de poeira. Isso manterá as folhas brilhantes e aumentará sua capacidade de absorver a luz solar.

10. Flor-da-fortuna

<span class=”hidden”>–</span>Blog Flores/Pinterest
Continua após a publicidade

Chamadas também de Kalanchoes, essas plantas são conhecidas por suas belas flores. Coloque-as perto de uma janela para que tenham bastante luz para florescer. A kalanchoe também é da família das suculentas, por isso prefere ter solo seco e bem drenado.

11. Lithops

<span class=”hidden”>–</span>Reprodução/Pinterest

Muitos se referem aos lithops como “pedras vivas”, uma vez que essas plantas se assemelham a seixos e pequenas pedras.

Assim como as suculentas, essas pequenas plantas podem sobreviver em altas temperaturas e com pouca água. Lithops são ótimos para exibir aos convidados devido à sua aparência única!

12. Bambu-da-sorte

<span class=”hidden”>–</span>9Green Box/Etsy/Reprodução

Essas pequenas plantas podem crescer tanto no solo quanto na água. Se você decidir cultivar seu bambu da sorte em água, certifique-se de repor a água a cada 7 a 10 dias e use água filtrada, se possível.

Se você plantar no solo, certifique-se de regá-lo quando os primeiros centímetros do solo começarem a ficar secos.

13. Falso trevo

<span class=”hidden”>–</span>Info Jardineria/Pinterest

Uma variante da oxalis, também conhecida como “trevos roxos” ou “trevos falsos”, a planta ganhou esse nome por causa de sua semelhança com o trevo irlandês, mais comumente conhecido como o trevo de três folhas. Além do nome, também é conhecido por sua natureza fotofílica; Isso significa que suas flores e folhas abrem e fecham em resposta à luz.

14. Lírio da paz

<span class=”hidden”>–</span>Reprodução/Casa.com.br

Os lírios da paz são uma das melhores plantas domésticas que você pode ter em sua casa devido à sua variedade de tamanhos, aparência atraente e capacidade de limpar o ar.

Os lírios da paz também podem prosperar sob luz fluorescente, por isso são perfeitos para salas que têm pouca ou nenhuma luz natural.

15. Peperômia

<span class=”hidden”>–</span>Pajaris/Pinterest

As folhas de Peperômia crescem em cachos apertados, tornando-as escolhas ideais para pequenas prateleiras ou mesas.

Suas folhas grossas podem reter água e permitem que resistam por períodos de tempo sem hidratação. Eles também podem sobreviver sob luz fluorescente, mas crescem melhor com luz solar indireta brilhante.

16. Confete

<span class=”hidden”>–</span>Three Dogs in a Garden/Pinterest

Plantas Confete (Hypoestes) fornecem um toque inesperado de cor a qualquer prateleira ou mesa. Essas pequenas plantas são comumente conhecidas por sua cor rosa, mas mais recentemente foram disponibilizadas em outras cores (como vermelho e branco).

Embora prefira luz solar indireta, um pouco de luz solar direta durante o dia é bom para sua planta se ela ainda não for muito colorida. Apenas lembre-se de tirar da luz solar direta para evitar folhas queimadas.

17. Jibóia

<span class=”hidden”>–</span>Unsplash/Severin Candrian/Casa.com.br

Também chamadas de Hera-do-diabo, são plantas de videira que podem facilmente decorar uma estante de livros ou uma parede lisa com suas folhas.

Elas são outro exemplo de planta que limpa o ar. Sua aparência elegante e habilidades de purificação as tornam uma boa escolha para um home office ou sala de estar.

18. Espada-de-são-jorge

<span class=”hidden”>–</span>Kelly Sikkema/Unsplash

Espadas-de-São-Jorge são fáceis de cuidar e também purificam o ar. Essas plantas crescem verticalmente, por isso são ideais para cantinhos que precisam de alguma vegetação.

Elas podem se desenvolver em uma variedade de condições de luz, mas se dão melhor sob luz solar indireta. Por serem originárias do deserto, também as espadas podem resistir a longos períodos sem água. Você deve deixar o solo secar entre as regas.

19. Gravatinha

<span class=”hidden”>–</span>Além da Arquitetura/Pinterest

Também conhecida como Planta-aranha, elas têm muitas folhas longas e finas que saem de seus vasos. São plantas pendentes interessantes graças às suas com duas tonalidades.

20. Colar de Pérola

<span class=”hidden”>–</span>Divulgação/Reprodução

O colar de pérolas é uma planta cada vez mais popular com uma aparência única. Sua folhagem perolada fica pendurada sobre o recipiente e é uma peça de decoração atraente para todos os seus convidados. Esta linda planta é mais um membro da família das suculentas e, portanto, requer muita luz e pouca água.

*Via ProFlowers

 

Continua após a publicidade

©