Plantas de sombra: 10 espécies para ter dentro de casa (Foto: Keleen Schmidt)

 

Montar um jardim dentro de casa é uma tendência que está ganhando cada vez mais adeptos. No entanto, as metragens reduzidas, que são uma realidade para parte das pessoas nos centros urbanos, fazem com que seja necessário improvisar na hora de criar um cantinho de contato com a natureza. Além disso, a ausência de uma varanda ou de uma área externa torna necessário optar por espécies que gostam de sombra.  

 

 

 

 

De acordo com a arquiteta e paisagista Keleen Schmidt, é essencial lembrar que todas as plantas precisam de um pouco de luz natural. Entretanto, algumas espécies são mais fáceis de cuidar e ficam ainda mais saudáveis em ambientes com sombra ou luz indireta. Pensando nisso, confira uma lista de plantas escolhidas pela paisagista que são ideais para ambientes internos!

1. Espada-de-São-Jorge

Espada-de-são-jorge: saiba como usar a planta da moda na decoração (Foto: Divulgação)

 

Boa para os jardineiros de primeira viagem, a espada-de-são-jorge é uma espécie que exige pouca manutenção, é bastante resistente e ideal para ambientes internos, principalmente para os cantinhos com pouca luz. Além disso, estas plantas não precisam ser regadas com tanta frequência. Uma vez a cada dez dias no inverno e uma vez por semana no verão já são suficientes para mantê-la sempre bonita!

2. Jiboia

Plantas de sombra: 10 espécies para ter dentro de casa (Foto: Reprodução/Pinterest)

 

Outra opção fácil de cuidar e ideal para ambientes internos é a jiboia. Embora seja uma planta trepadeira que pode ficar bem grande em áreas externas, esta espécie também se dá muito bem em vasos no chão ou em pendentes. No entanto, é importante ressaltar que esta planta deve ser mantida longe de animais domésticos, visto que faz parte da lista de plantas tóxicas. Para deixá-la com uma boa aparência, é importante regar duas vezes por semana no verão e uma vez a cada sete dias no inverno.

3. Costela-de-Adão

Costela-de-adão: planta com folhagem exuberante é fácil de cuidar (Foto: Divulgação)


 

 

 

Se você busca uma planta com formato único para trazer um toque especial ao décor da sua casa, a costela-de-adão é uma excelente opção. A espécie é fácil de cuidar, se adapta bem aos ambientes internos e cai super bem em vasos no chão. Além disso, você não precisará se preocupar tanto em regá-la, visto que uma vez por semana já é suficiente para mantê-la saudável.

4. Samambaia

Plantas de sombra: 10 espécies para ter dentro de casa (Foto: Divulgação)

 

Comum nos lares nos anos 70 e 80, a samambaia é uma espécie que voltou a se popularizar nos últimos anos e que é uma excelente alternativa para compor a sua urban jungle. Da mesma maneira que as outras espécies da lista, esta planta também não precisa de sol pleno e gostam de ambientes sombreados. Para deixá-las sempre com um bom visual, é importante mantê-las em ambientes com bastante umidade.

5. Maranta

Marantas e Calatheas: conheça as plantas que conquistaram os millennials (Foto: Borealis)

 

Com estampas únicas, as marantas são plantas que vivem bem em ambientes internos e que se tornarão um diferencial na decoração da sua casa. As plantas deste gênero gostam de meia-sombra e de solo úmido, mas que não pode ficar encharcado. É importante regá-las entre duas a três vezes por semana.

6. Pacová

10 plantas para ter no escritório (Foto: Divulgação) (Foto: Divulgação)

 

Com folhas brilhantes e duras, a pacová também é ideal para ambientes internos. Isso porque a exposição intensa ao sol pode causar queimaduras nas belas folhas desta planta. Esta espécie deve ser regada uma vez por semana.

7. Antúrio

Plantas dentro de casa: 10 espécies para ter já (Foto: Getty Images/amana images RF)

 

Outro gênero que também possui folhas brilhantes e coloridas, perfeitas para trazer energia ao décor, é o antúrio. Estas plantas gostam de solo úmido, mas não encharcado. Por conta disso, é importante regá-las duas vezes por semana. Além disso, outro destaque deste gênero de plantas é que elas podem ajudar a melhorar a qualidade do ar em ambientes internos.

8. Peperômia

10 plantas que precisam de poucos cuidados (Foto: selvvva)

 

A peperômia também faz parte da lista de plantas para jardineiros de primeira viagem. Além de necessitar de poucos cuidados, as espécies deste gênero são, em geral, compactas e ideais para ambientes internos, já que não precisam de exposição constante ao sol. Embora possam ser regadas regularmente, é necessário ter cuidado para não deixar o solo destas plantas encharcado.

9. Aspargo-pendente

Plantas de sombra: 10 espécies para ter dentro de casa (Foto: Getty Images)

 

O aspargo-pendente é uma excelente espécie para quem pretende fazer um jardim vertical em casa. Estas plantas toleram baixas temperaturas, conseguem sobreviver em ambientes com baixa luminosidade, embora cresçam melhor ao receber luz indireta. Para mantê-las saudáveis e bonitas, é importante deixar o solo regularmente úmido, mas não encharcado.

 

10. Zamioculca

10 plantas que precisam de poucos cuidados (Foto: Getty Images)

 

As zamioculcas são plantas que conseguem sobreviver bem em ambientes com pouca luz e água. A exposição direta à luz solar pode fazer com que as folhas brilhantes e que parecem artificiais desta espécie fiquem queimadas. Regá-las uma vez por semana já é suficiente.

©











Loading...