Instituto Bardi

Muito antes de ser um museu, a Casa de Vidro, primeiro projeto construído de Lina Bo Bardi, foi residência da arquiteta e seu marido, Pietro, por mais de 40 anos (entre 1951 e 1999). Mais do que apenas uma habitação comum, a Casa foi lugar de experimentação artística e espaço íntimo da vida da arquiteta.

Veja também: Casa de vidro de Lina Bo Bardi

Instituto Bardi

Além de um marco arquitetônico, o lar do casal Bardi também era ponto de encontro entre grandes intelectuais, como Aldo van Eyck, Gio Ponti, Glauber Rocha e John Cage, que atuavam na difusão de cultura, arte, design, arquitetura e urbanismo em todo o mundo.

Veja também: MCB recebe mostra sobre o ícone do design italiano Gio Ponti

Marcada pela nova identidade visual do Instituto Bardi, a exposição A Casa como casa procura trazer de volta a efervescência desse cenário onde se passou boa parte da vida desses artistas italianos, que encontraram suas raízes em solo brasileiro.



Divulgação

Veja também: Mulheres na arquitetura: Lina Bo Bardi e suas obras icônicas

Móveis, tapetes, objetos, livros da época e até plantas revivem o ambiente onde Lina e Pietro viveram até os últimos dias de vida. Com curadoria de Sol Machado, o objetivo da mostra é modernizar o olhar do público para com a Casa de Vidro, além de marcar a nova identidade visual do Instituto, criada por Sol, que também é a Diretora Cultural do museu, e Waldick Jatobá, diretor-presidente.

A mostra fica em cartaz até dia 2 de junho. Visitas conduzidas por educadores podem ser realizadas sem agendamento.


A Casa como casa

Casa de Vidro Lina Bo Bardi – Rua General Aumério de Moura, 200 – Vila Morumbi, São Paulo – SP

Data: 7 de abril a 2 de junho

Visitação: de quinta a domingo, 10h15, 11h45, 14h e 15h30

Ingressos:  R$20,00 (inteira) e R$10,00 (estudantes, professores e terceira idade).

CASA CLAUDIA

©







You may also like


Agoda WW


Loading...
Zaful WW
Romwe DE, US