Folhagens para jardim: inspire-se no estilo de Burle Marx (Foto: Juliano Colodeti/ MCA Estúdio)

 

Menos flores, mais folhagens. A receita audaciosa do paisagista Roberto Burle Marx segue a cada dia mais valorizada mundo afora. Em vez das topiarias recortadas típicas dos jardins europeus, ele valorizava a graça imprevisível de uma flora exuberante e livre para crescer. “O que não nos falta são folhagens lindas, capazes de valorizar jardins dentro ou fora de casa”, aponta a paisagista Anna Luiza Rothier, do Rio de Janeiro.

 

Ao planejar um novo jardim – dentro ou fora de casa – o primeiro ponto a ser observado se trata da incidência de sol e luz necessária para a vida das espécies escolhidas. Com essa questão resolvida, capriche no preparo do solo, prepare-se para adubações periódicas e siga a lista que Anna Luiza nos indicou com as folhagens mais interessantes do momento. “Comece pelas plantas altas, passe para as médias e finalize pelas forrações, sem perder a atenção às necessidades de clima e insolação de cada planta”, recomenda.

Sombra e água fresca

Folhagens para jardim: inspire-se no estilo de Burle Marx (Foto: Juliano Colodeti/ MCA Estúdio)

 

 

Em seu habitat natural, os filodendros são encontrados embaixo de grandes árvores, que filtram os raios de sol e mantém a umidade em alta. A família gigante tem espécies como guaimbê, pacová, filodendro-wilsoni e filodendro-chocolate. Sozinhas ou combinadas, elas dão um show.

Vento no cabelo
Regiões de praia ou restinga pedem espécies de folhas rígidas para resistir à brisa local. Pleomeles e pitosporos, nas versões verdes e variegatas (manchadas de branco ou amarelo) e ainda clúsias e agaves resistem bem ao clima praiano.

Sol e secura

Folhagens para jardim: inspire-se no estilo de Burle Marx (Foto: Evelyn Müller)

 

Locais com alta exposição solar e chuvas esparsas costumam passar por uma temporada de seca marcante. Moréia, palmeira-fênix, sagu, agave e as bravas clúsias mantêm a beleza ao longo de todo o ano.

 

Coringa

Heliconia flowers on sale at a flower market in Funchal, Madeira, Portugal. (Foto: Getty Images)

 

“Gosto de indicar uma planta-coringa, que vai bem em diferentes lugares. gosto especialmente da helicônia, que tem uma folhagem linda, fica bem em locais ensolarados, mas também tolera a meia-sombra”. Um bônus: em solo bem adubado, ela exibe uma folha modificada bem linda e exuberante, capaz de chamar a atenção de beija-flores e borboletas.

©











Loading...