Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)

 

Voltado para o mar, este tríplex surgiu a partir da união de dois apartamentos. Com projeto de reforma do escritório Jolson Architecture and Interiors, o imóvel ganhou um vão de 7 m de altura e uma escultural escada curva branca, que hipnotiza com seus jogos de luz e sombra. Erguida originalmente em 2001 por Cox Carmichael, a construção precisou ser toda reimaginada para chegar ao atual resultado. A unidade visual e a fluidez vistas ali hoje resultam de paredes que vieram abaixo em nome da integração.

 


 


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 


Para tirar máximo proveito da luz natural e da vista, a cozinha e a área social foram instaladas no último piso. Já o quarto principal fica no andar intermediário, de modo a delimitar bem o espaço de convívio e ala íntima. Apesar disso, o projeto não isola os ambientes – pelo contrário: portas deslizantes criam espaços que podem garantir a privacidade ou a integração sempre que necessário.

 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 

  •  

Escada monumental é o coração deste tríplex australiano   (Foto: Lucas Allen)


 


Foram as curvas originais da fachada que inspiraram os interiores ousados. Em todos os ambientes notam-se os traços sinuosos que dão personalidade ao projeto. Repare, por exemplo, nas paredes de gesso polido ao se encontrarem com o teto. A paleta escolhida é neutra e discreta propositalmente, para garantir a atemporalidade do décor.  O mesmo acontece com os materiais, que se limitam a pedra, aço, latão e madeira. Eis um projeto residencial que mais parece uma obra de arte.

©











Loading...