Fluidez e integração é o que não falta nesta casa de campo em Nova Lima, Minas Gerais. Idealizada como refúgio para a família dos proprietários que sonhavam com uma residência especial para o lazer e imersa na natureza. O projeto, tracejado pelo arquiteto David Guerra, apostou na integração e no uso de materiais naturais para compor os ambientes com pé-direito alto.

 

Décor do dia sala de jantar com pé-direito alto, madeira e panos de vidro (Foto: Jomar Bragança)

 

Espaçosa, a sala de jantar é constituída por estruturas metálicas que definem e modelam os demais ambientes. Revestido com madeira de demolição, o ambiente ainda reúne pedras, aço e panos de vidro que revelam as vistas estonteantes do entorno. No mobiliário, um rico acervo dos moradores foi reutilizado, com peças que contempla nomes como Sergio RodriguesJorge Zalzsupin e Paulo Alves. “A mistura de materiais passa também pelos móveis, que vão dos clássicos e dos rústicos aos mais contemporâneos, todos com fluidez e leveza para se ver através a paisagem”, conceitua o arquiteto.

Décor do dia sala de jantar com pé-direito alto, madeira e panos de vidro (Foto: Jomar Bragança)

 

Décor do dia sala de jantar com pé-direito alto, madeira e panos de vidro (Foto: Jomar Bragança)

 

 

“O conceito da casa de campo era fazer um refúgio para o lazer, que fundisse com o entorno e trouxesse a natureza para emoldurar as aberturas da casa. Uma casa confortável e calma, onde se pudesse usufruir de tranquilidade e paz, ao mesmo tempo aconchegante e vigorosa, com cores intensas e materiais naturais como madeiras, pedras e revestimentos cimentícios”, finaliza. 

©











Loading...