Neste sobrado de 170 m² em Londrina, o espaço dedicado para a área externa deixava a desejar. Ao reformarem o imóvel, os moradores buscaram por soluções que ampliassem os espaços, mas sem descaracterizá-los. A transformação, a cargo de Mauricio Arruda, Fábio Mota e Laís Delbianco, sócios do Todos Arquitetura, promoveu uma integração máxima entre interiores e exteriores, resultando uma cozinha fluida que se abre para o quintal

 

Décor do dia integração máxima na cozinha aberta (Foto: Lufe Gomes)

 

Grandes painéis de vidro integram ou separam os ambientes, de acordo com a necessidade de uso. Do lado de fora, um deck de madeira ipê determina o espaço da varanda, enquanto o piso de granilite reveste is interiores dos demais cômodos. 

Décor do dia: integração máxima na cozinha aberta (Foto: Lufe Gomes)

 

 

“A cozinha ganha ares do passado com vasos de cerâmicas dos anos 60 e 70 apoiadas sob o balcão de revestimento de granilite e tampo de aço inox. Para o casal, que gosta de acabamentos metalizados, os armários com portas revestidas de latão criam a atmosfera perfeita”, explica o escritório. 

©











Loading...