Casa em Curitiba é a mais bem avaliada em sustentabilidade no país



Casa.com.br

A casa mais sustentável do Brasil fica situada em Curitiba. Construída em um ano e meio, a residência foi desenvolvida a partir de parâmetros que causassem o mínimo impacto ambiental possível, adequando-se às exigências do Green Building Council Casa.

Casa.com.br

Para ter uma morada eco-friendly, métodos de construção que garantem alto desempenho, desde o equilíbrio até o conforto, foram adotados. “Realizar uma casa nos dias de hoje tem que levar em consideração os impactos ambientais que ela irá causar, no conforto e eficiência a longo prazo. Todos os dias escutamos notícias relacionadas a falta de água, energia e o aquecimento global. Dessa forma foi pensado em desenvolver um projeto que fosse o mais eficiente possível sem prejudicar o conforto dos moradores respeitando o meio ambiente, e acredito que conseguimos”, diz Matheus forte, engenheiro da Forte Soluções Ambientais.

Casa.com.br

Para garantir o conforto térmico do local, sem ter a necessidade de aparelhos para resfriamento e aquecimento dos ambientes, os engenheiros e arquitetos apostaram em recursos naturais para garantir a quantidade necessária de calor. Para resfriar a casa, por exemplo, a construção tem janelas dispostas de forma cruzada, com grandes aberturas, para entrada e saída do vento.

Casa.com.br

O projeto de energia da casa também é autossuficiente: painéis fotovoltaicos e um microgerador eólico foram dispostos para garantir energia limpa e 100% renovável. Ou seja, toda a energia que a casa usa, é produzida por ela mesma.

Casa.com.br

Em questão de uso de água, um sistema de filtragem com alta tecnologia ultravioleta foi instalado, para aproveitar a captação de água pluvial da melhor forma, direcionando-a às bacias sanitárias, irrigação, máquinas de lavar roupa e louça, além de torneiras externas.

A construção, que foi desenvolvida dentro dos parâmetros de sustentabilidade, foi pontuada pelo Green Building Council Casa e recebeu o certificado de Platina. O prêmio faz parte da vertente brasileira do USGBC, garantindo certificações de construções sustentáveis, aplicadas em todo território nacional. A casa fez 84 pontos, dentro dos 110 da certificação. Confira abaixo:

Casa.com.br

©