Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 

Olhar Contemporâneo – Studio Nando Nunes

Em um charmoso condomínio de casas, no interior de Goiás, encontramos um imóvel impossível de não ser notado – e admirado. Com 320 m² e um surpreendente jogo de linhas simétricas e volumes geométricos, a residência foi projetada pelo Studio Nando Nunes para um casal com filho adolescente. “A família me pediu uma morada arejada, com bastante luz natural, sem muitos cômodos. Por serem clientes antigos e confiarem no nosso trabalho, tivemos total liberdade para ousar na arquitetura”, conta Nando Nunes, que apostou em uma proposta que brinca com volumes diferentes e espaços vazados. O resultado? Um sobrado de visual estético harmônico que é pura contemporaneidade. Os ambientes são totalmente integrados e, logo que passamos pela imponente porta pivotante revestida de aço corten com 5,40 m x 2,40 m (Monalisa esquadrias) temos uma visão ampla tanto da parte interna da casa quanto da área externa. No térreo, estão o hall de entrada (lustre Projeto Luz), a sala de estar, a varanda do living, a cozinha, a varanda gourmet, a piscina e um lounge descoberto no jardim. “A pedido dos moradores, não há home theater nem sala de jantar. Eles preferem ver TV nos quartos e as refeições são feitas na agradável e ventilada varanda gourmet”, explica o expert. No segundo pavimento, fica a área íntima com as três suítes: a de hóspedes, outra para o casal e a terceira para o filho dos moradores.
 

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 


Quando o assunto é elemento estrutural, a alvenaria é a grande protagonista. A partir dela, Nando Nunes pôde dar vida à arquitetura do projeto marcada por dois grande pilares de 6,4 metros de altura, que nascem no fundo da piscina e atingem o segundo pavimento. Além dela, temos o alumínio preto, que aparece nas esquadrias (Jr Aluminium), a pedra travertino natural (da Aldeia Acabamentos e Complemetos), que forma um grande mosaico na fachada, o mármore travertino (da MRJ), que está nos degraus da estilosa escada, os tijolos de demolição, usados na varanda gourmet, e a tapiocanga, pedra bruta colocada no muro da propriedade e que delimita o espaço do lounge do jardim.
 

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 


Outro destaque? Os vidros (Usi Alumínio). “Eles ajudam a trazer amplitude, luz e com sua transparência ‘puxam’ a paisagem externa para os ambientes internos. Do hall de entrada, por exemplo, conseguimos ver a jabuticabeira que está ao lado da varanda do living”, diz o profissional.

A paleta de cores é marcada pelos tons neutros. Off-white, fendi, bege e chocolate ficam em evidência, mas dão espaço também para o cinza. Os detalhes coloridos são poucos e estão concentrados no tapete do Nepal com estampa de lírios (loja Tabriz) e na pintura do living assinada pela artista Eloisa Lobo. “A paleta clean é uma das minhas marcas registradas, pois deixa os meus projetos com uma pegada mais atemporal”, diz Nando, que também reforça essa característica utilizando peças de design assinado no décor.
 

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 


Pelos ambientes da casa, há criações de diversas personalidades brasileiras incensadas, como Carlos Motta (que assina a poltrona Astúrias, do lounge do jardim), Sérgio Rodrigues (é dele a poltrona Gio, do living) e Guilherme Torres (autor dos bancos Hana e Zaki do hall). Boa parte desse mobiliário vem das celebradas lojas Armazém da Decoração e Cenário Móveis, que ficam em Goiânia. Também vale ressaltar os móveis e objetos da Tidelli e Paula Karina Decor. Tudo foi comprado especialmente para esse imóvel, que, aliás, é novíssimo, já que ficou pronto em abril deste ano. Os moradores ainda estão descobrindo todas as suas possibilidades. “Essa é a terceira residência que construo para eles. Eles são meus clientes e também amigos. Existe uma relação de confiança muito grande que facilita todo o trabalho e que fez com que todo mundo ficasse muito satisfeito e feliz com o resultado final”, completa Nando, que agora aceitou o desafio de projetar para o casal um hotel na região.
 

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 


Refúgio Especial – Cláudia Zuppani

Uma releitura atual das antigas fazendas  caipiras de Goiás. Esse foi o principal norte da arquiteta Cláudia Zuppani para idealizar a área social e de lazer desta propriedade de 700 alqueires voltada para a criação de gado, que fica em Britânia, a pouco mais de 300 km da capital goiana. “Meus clientes José e Flávia Garrote me pediram um projeto contemporâneo, mas que tivesse elementos que remetessem às memórias da infância deles”, conta a profissional, que está há 25 anos à frente do escritório que leva o seu nome.

Dos primeiros desenhos à finalização – em novembro de 2017 –  se passaram aproximadamente dois anos. Cláudia criou um complexo de 2.500 m² de área construída, com direito a duas casas de hóspedes (uma com oito suítes e a outra com seis), imóvel do caseiro, um bangalô, feito para o casal de proprietários, e uma sede, onde ficam as três suítes de seus filhos. E, claro, para os momentos em que a família e seus convidados se reúnem, há o grande salão gourmet de pé-direito duplo, todo rodeado por uma varanda e integrado ao deck com os refrescantes chuveirões, além da piscina (de borda infinita e feita com pedras vulcânicas hijau). E o melhor: tudo isso fica de frente para o lindíssimo Lago dos Tigres, que atravessa o terreno.

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 

Apesar das diversas construções independentes – ligadas por caminhos feitos com retalhos de quartzito – existe uma padronização visual. Entre as características que trazem essa harmonia estética destacam-se as paredes com tijolos aparentes, o uso abundante da madeira cumaru na parte estrutural e os telhados feitos com telhas de barro. “Esses elementos foram escolhidos como protagonistas, pois são justamente eles que mais trazem esse perfume do passado que os meus clientes tanto desejavam”, comenta a profissional, que também abusou dos janelões e fez varandas em todas as suítes.

E o décor? Nada de sobrecarregar os ambientes com muitas peças. A ideia foi deixar tudo muito clean e com bastante espaço de circulação. O mix do mobiliário é formado por peças que estavam na família dos donos havia muito tempo, como cristaleiras e cadeiras clássicas, itens garimpados em antiquários, como um bufê que pertenceu a uma padaria de Minas Gerais, e móveis que levam a assinatura de expoentes do design brasileiro, como uma mesa de jantar de Jacqueline Terpins, o sofá Mole e as poltronas Kilin, de Sérgio Rodrigues, e as poltronas de Carlos Motta. A arquiteta também desenhou algumas criações, como a mesa comunitária do salão gourmet, que tem 7 metros e foi feita com uma prancha de tronco de árvore. “Objetos produzidos com madeira rústica maciça combinam muito com esse cenário rural”, explica a expert goiana, que estudou arquitetura na Universidade Mackenzie, na capital paulista.
 

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 


Na hora da paleta de cores, o interior das casas é dominado pelos tons neutros, principalmente os terrosos. Há algumas exceções, como a moderna cozinha da sede com marcenaria com laca verde e as roupas de cama coloridas de todas as acomodações, que são estampadas com imagens da fauna e da flora do Brasil. E cada quarto tem a sua padronagem exclusiva, vale ressaltar. Já nas áreas externas, quem faz a festa são as cores mais vivas, como o laranja, o vermelho e vários tons de verde, todos presentes no mobiliário da Tidelli.

Para finalizar, o paisagismo tem projeto criado por Fernanda Simão, que apostou sobretudo no gramado no espaço do complexo. Esse tipo de vegetação rasteira evita que animais (sobretudo as cobras) fiquem escondidos nas folhagens perto desse local com bastante circulação de gente. “Esse cuidado foi necessário, já que as crianças brincam soltas por ali”, lembra a arquiteta, que nesse momento já está trabalhando no projeto de outra fazenda para esses mesmos clientes. “Desta vez, será algo totalmente moderno.”

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 

 


De portas abertas – Pedro Ernesto

Destaque entre as residências do condomínio Alphaville Flamboyant – Residencial Goiás, na capital do estado, esse sobrado de 500 m² construído em um terreno de 750 m² leva a assinatura do arquiteto goiano Pedro Ernesto. A morada, que levou dois anos para ficar pronta, foi projetada do zero para um casal com dois filhos pequenos que adora receber os amigos e a família.

“Justamente por isso, os meus clientes me pediram uma casa que fosse prática, espaçosa, com bastante luz natural, que tivesse uma varanda generosa, área externa ampla e várias opções de lazer”, conta o expert, que criou um sobrado de linhas retas, bem contemporâneo, com uma volumetria que brinca com alturas diferentes.
 

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 


No térreo, ao passarmos pela imponente porta de cumaru de 6 metros de altura, encontramos os ambientes sociais da casa.  Living, home theater e sala de jantar estão totalmente integrados. “Isso facilita a circulação e acaba trazendo amplitude, além disso, sem paredes compartimentando esses espaços, é possível observar melhor toda a área externa”, explica o profissional, que fez questão de criar a sala de estar com pé-direito duplo (6 metros) – uma das marcas registradas de seu trabalho. Ainda no térreo, temos o escritório e, logo depois da sala de jantar, a cozinha e toda a parte de serviço da casa. Na área externa, há uma varanda em formato de L com dois ambientes distintos: um living (com direito a uma parede verde com folhagens de cores bem vivas) e a “gourmeteria” – como o arquiteto batizou o espaço – com mesa para 14 pessoas e uma bancada que acomoda sete pessoas nos bancos altos.  De frente para essa varanda, está o deck (com espreguiçadeiras) e a piscina, uma das estrelas do projeto. O delicioso spa completa a área de lazer.
 

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 

No segundo andar, estão a sala íntima (um espaço com sofás para se jogar de frente para a TV) e as quatro suítes, com armários Florense. “Fiz um isolamento sutil entre esse pavimento e o inferior com vidros. Assim mantenho a sensação de integração, mas crio uma certa privacidade para quem está na área íntima e evito que o barulho da área social chegue até lá”, diz Pedro, que há 18 anos comanda o escritório com o seu nome. Quando o assunto são os principais elementos estruturais, sobressaem a alvenaria, que compõe quase todo o imóvel, o alumínio (com efeito/cor de madeira) usado na fachada ao redor da porta e nas esquadrias da casa e o revestimento de rocha rústica natural, aplicado em uma das paredes do estar e que contrasta com o visual clean da arquitetura. Nesta lista, também não podem ficar de fora diversos tipos de mármore, como o carrara (que está em alguns banheiros), o travertino (no piso da área externa) e o crema marfil (no piso da área interna do térreo), que dão aquele toque de sofisticação.

Goias especial (Foto: Edgard Césas)

 

Móveis de madeira natural, com cores neutras, e tecidos naturais, como algodão, couro e linho, completam as principais características do mobiliário, quase todo comprado especialmente para o sobrado. Há muitas criações de lojas badaladas, como Artefacto e Via Condotti, e peças de design assinado tanto nacionais, como o sofá de Jader Almeida e a mesa de jantar de Ronald Sasson, quanto internacionais, como as quatro poltronas Charles Eames, do casal norte-americano Charles e Ray Eames, que são os destaques do living.

Cada criação que compõe o décor foi escolhida a dedo pela beleza de seu desenho, claro, mas quase sempre também por serem muito confortáveis e aconchegantes, qualidades fundamentais para esses moradores que ansiavam por uma casa gostosa para viver e para deixar seus convidados sempre muito à vontade”, completa o arquiteto.

 

©






 

SUBSCRIBE:  DIY & Craft feed | Home & Garden feed Fashion & Style feed

 

Related Post: